O Senhor e o andador

(Imagem: rodrigospilla.wordpress.com) Com um andador, subia minha rua, um pequeno senhor. Passos sofridos, difícieis e doloridos. No semblante, era visível sua frustração. A cada passo, um suspiro e uma olhada no horizonte – o que outrora era perto, hoje parecia inalcançável; e certamente, as estripulias de moleque, ocupavam sua mente Mas ele seguiu conquistando cada centímetro, […]

Compartilhe:
Read more

Álvaro de Campos – sempre preciso. TABACARIA Não sou nada. Nunca serei nada. Não posso querer ser nada. À parte isso, tenho em mim todos os sonhos do mundo. Janelas do meu quarto, Do meu quarto de um dos milhões do mundo que ninguém sabe quem é (E se soubessem quem é, o que saberiam?), […]

Compartilhe:
Read more